Notícia


Licitação Transporte por Ônibus - São Paulo/SP - R$71 Bilhões

Somente um dos 32 lotes da licitação de ônibus de São Paulo tem mais de um concorrente
Licitação é a maior do tipo no país; valor dos contratos, somados, é de R$ 71,14 bilhões.
A Prefeitura de São Paulo recebeu na manhã desta terça-feira (5) as propostas das empresas de ônibus para a concessão das linhas da cidade para os próximos 20 anos. Maior licitação de transportes do país, o valor dos contratos somados é de R$ 71,14 bilhões.
Ao todo, são 32 lotes, mas somente em um deles há concorrência: o lote D7, que abrange linhas dentro de bairros, é disputado pelos consórcios Transunião e Imperial. Nos demais, há apenas uma empresa ou consórcio de empresas, sem disputa. A maior parte já atua no sistema (veja os nomes de todas as empresas abaixo).
Os envelopes com os nomes das empresas ou consórcios interessados foram abertos no Instituto de Engenharia de São Paulo, na Vila Mariana, Zona Sul da capital.
Os envelopes com as propostas comerciais ficam fechados até análise da documentação dos interessados. A expectativa é que em cerca de 90 dias se saiba quem são os vencedores.
Com mais de 14 mil veículos, São Paulo tem a maior frota de ônibus do país, segundo dados da Associação Nacional de Transportes Públicos. A segunda maior é a do Rio, que, segundo a prefeitura, tem cerca de 8,7 mil coletivos.
Sistemas
Atualmente, a rede pública de ônibus é composta de subsistema estrutural e subsistema local (operado pelas empresas que surgiram das cooperativas).
Com a nova concessão, a frota deve ser reduzida e os ônibus passarão a funcionar em três subsistemas, divididos em áreas em que as linhas funcionarão (Centro para os bairros, entre bairros mais afastados e de circulação dentro dos bairros):Dividido em nove lotes, reúne ônibus de médio e grande porte, articulados, e que fazem o transporte de passageiros do Centro para os bairros. Valor total do contrato é de R$ 28,12 bilhões (R$ 28.127.313.865).


Fonte: Portal G1.. Saiba mais em 5/02/2019